>Carnaval….lembranças…saudades.

>

Angústia,solidão, um triste adeus,em cada mão
lá vai, meu bloco, vai
só desse geito, é que ele saí
na frente, sigo eu,levo o estandarte
de um amor
O amor que se perdeu, no carnaval,
lá vai meu bloco e lá vou eu, também, mais uma vez,sem ter ninguém,no sábado, domingo,segunda e terça-feira,e quarta-feira, vem
e o ano inteiro, é todo assim, porisso, quando eu passar
batam palmas, prá mim.
Aplaudam, quem sorriu, trazendo lágrimas, no olhar,merece uma homenagem, quem tem forças, prá cantar
tão grande é minha dor
pede passagem, quando sai,comigo só, lá vai meu bloco vai.
Bloco da Solidão (Evaldo Gouveia – Jair Amorim) 1971

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s